QUEM SOMOS

Desde 1989 a Sandia Stand está na dianteira da comercialização e distribuição de peças e acessórios para automóveis no Sul de Portugal, primando por uma imagem de dinamismo e elevadas taxas de crescimento.

Na Sandia Stand valorizamos a proximidade ao cliente, no sentido de prestarmos um serviço mais eficiente. Para tal temos Centros de distribuição em Portimão, Lagos, Albufeira, Faro, Odemira, Beja e Évora. A nossa reputação como Empresa que preza a integridade e respeito para com os seus clientes, é reforçada pelos produtos de Qualidade Original que lhe oferecemos ao Preço Certo entregues atempadamente.

3 semanas atrás

Sandia Stand

Filtro de habitáculo - Mahle ... See MoreSee Less

Ver no Facebook

2 meses atrás

Sandia Stand

Conhece as normas para os lubrificantes de motores de automóveis?

Segue uma lista onde pode ver algumas das normas e o seu significado⤵️⤵️⤵️

ACEA - Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis estabelece os níveis de qualidade para os lubrificantes de motores de automóveis.

cP (Centipoise) Unidade de medida de viscosidade dinâmica.

HTHS (High Temperature High Shear) - Alta Temperatura Alto Cisalhamento. O HTHS é a viscosidade dinâmica do óleo, ou seja a forma como o óleo lubrifica em condições reais de trabalho, com temperatura de 150 C e pressão (motor em cargas elevadas) assim o C3 e C4 tem um HTHS mais elevado (maior ou igual a 3,5 o que é indicado para motores com maior dilatação a quente, mantendo assim as características de lubrificação. O C1 e C2 com HTHS mínimo de 2,9 e até 3,5 é indicados para motores com menor dilatação a quente e assim consegue manter as características de lubrificação e ao mesmo tempo proporcionar menores atritos internos dentro do motor, aumentando o consumo de combustível.

Normas A/B - destina-se para motores de veículos a gasolina (letra A) e motores de veículos a diesel (letra B) . São Full SAPS, ou seja para motores mais antigos sem sistemas de tratamento de gases de escape.

A1/B1 - óleos recomendados para motores a gasolina / diesel para veículos ligeiros / comerciais. São óleos de baixa viscosidade, com um intervalo de viscosidade de 2,6 a 3,5 cP. Atualmente esta norma é substituída pela A5/B5 desde a nova sequência ACEA-16.

A3/B3 - óleos multi-graduados de graduação estável para usar durante todo o ano em motores a gasolina e diesel de altas prestações. Também recomendado para intervalos de mudança de óleo prolongados e condições de trabalho severas.

A3/B4 - Óleos de graduação estável recomendados para uso em motores de altas prestações a gasolina e diesel de injecção directa. Também recomendado para intervalos de mudança de óleo prolongados e condições de trabalho severas.

A5/B5 - Óleos de graduação estável recomendados para intervalos de mudança prolongados em motores especiais de altas prestações a gasolina e diesel de ligeiros e comerciais. São óleos de baixa viscosidade com um intervalo de 2,6 a 3,5 cP.

Normas C - destina-se para motores de veículos a gasolina e diesel com sistema de tratamento de gases, nomeadamente conversores catalíticos e filtros de partículas.

C1 - Óleos Low SAPS com HTHS reduzido (viscosidade em condições HTHS 2.9 cP), para uso em veículos com filtros de partículas (DPF) e catalisador de 3 vias (TWC) de ligeiros de elevadas performances, comerciais diesel e motores a gasolina.

C2 - Óleos Mid SAPS com HTHS reduzido (viscosidade em condições HTHS 2.9 cP), para uso em veículos com filtros de partículas (DPF) e catalisador de 3 vias (TWC) de ligeiros de elevadas performances, comerciais diesel e motores a gasolina, preparados para usar óleos de baixa fricção e de baixa viscosidade.

C3 - Óleos Mid SAPS, viscosidade em condições HTHS <3,5 cP, para uso em veículos com filtros de partículas (DPF) e catalisador de 3 vias (TWC) de ligeiros de elevadas performances, comerciais diesel e motores a gasolina, preparados para usar óleos de baixa fricção e de baixa viscosidade.

C4 - Óleos Low SAPS com HTHS tradicional (>3.5 cP) , para uso em veículos com filtros de partículas (DPF) e catalisador de 3 vias (TWC) de ligeiros de elevadas performances. Especialmente recomendados para motores Renault de ligeiros e comerciais diesel com DPF. Concentração de aditivos diferente de C3.

Actualmente existe uma nova categoria C5, indicado para as novas motorizações de muito baixo atrito interno e afinação de "fuel economy" sendo que têm um HTHS mínimo de 2,6 e até 2,9 cP. Esta categoria é ainda Mid SAPS, e será especificada para as novas motorizações do grupo VAG, BMW, Renault entre outras.

#motul #createbusiness
... See MoreSee Less

Ver no Facebook

SERVIÇOS

SOFTWARE DE GESTÃO INTEGRADO

ECO - SOLUTIONS

INFORMAÇÃO TÉCNICA

LINHA DE APOIO TÉCNICO

CONCEITOS DE OFICINAS

MARCAS